O estresse e o nosso cérebro


Todos nós convivemos com alguma situação estressante durante nossa vida e, às vezes, podemos acumular essas experiências negativas e persistir em um ciclo vicioso, do qual não saímos. O que é importante destacar é a maneira como nosso cérebro reage ao estresse cronicamente.

Um estudo recente (Cumulative Adversity and Smaller Gray Matter Volume in Medial Prefrontal, Anterior Cingulate, and Insula Regions ), por exemplo, demonstrou que podemos verificar uma diminuição do nosso cérebro em situações de estresse crônico, que se perpetua ao longo de anos em nossa vida. Esta região seria o que conhecemos por “substância cinzenta”, que é a parte externa, mais superficial do nosso cérebro. E a região onde esta perda de neurônios ocorre é justamente no córtex pré-frontal, estrutura importante que manipula informações cognitivas e emocionais.

Assim, torna-se cada vez mais importante reconhecer o estresse crônico como um vilão não somente para o bem-estar psíquico, mas também como um vilão para o cérebro. Técnicas muito simples de relaxamento e combate ao sedentarismo com prática regular de atividade física podem ser uma ferramenta muito útil no combate a isto.

Posts Em Destaque
Posts Recentes
Arquivo
Procurar por tags
Siga
  • Facebook Social Icon
  • Twitter Social Icon
  • Google+ Social Icon
  • YouTube Social  Icon
  • Pinterest Social Icon
  • Instagram Social Icon

Porto Velho: Rua Rafael Vaz e Silva, 1663, N. Senhora das Graças, Porto Velho - RO, CEP: 76804-140

Rio Branco: Rua Hugo Carneiro, 725 - 1ª sala 678, Bairro Bosque, CEP: 69.900-550. Fones: (68) 3222-7900 / 99917-8852